Responsório de Santo Antônio I



Saiba quem busca milagres

Que os enfermos sara Antônio,

Afugenta o erro e a morte,

Calamidade e demônio.

Prisões e mares lhe cedem,

Saúde e coisas perdidas,

São aos mancebos e aos velhos

Por ele restituídas.

Necessidades, perigos,

Faz cessar entre os humanos,

Diga-o quem o experimentou,

E mormente os Paduanos.

Prisões e mares lhe cedem,

Saúde e coisas perdidas,

São aos mancebos e aos velhos

Por ele restituídas.

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo

Prisões e mares lhe cedem,

Saúde e coisas perdidas,

São aos mancebos e aos velhos

Por ele restituídas.

V. Rogai por nós, bem-aventurado Santo Antônio.

R. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos

Alegre, Senhor, vossa Igreja, a intercessão votiva de vosso confessor, o glorioso Santo Antônio, para que se fortaleça sempre com espirituais auxílios, e mereça desfrutar a felicidade eterna.

Por Jesus Cristo Senhor Nosso. Amém.

Responsório II

Santo Antônio de Pádua que em Pádua nascestes e em Portugal te criaste;onde pregou o Senhor, tu pregastes.

Estando pregando o Senhor te revelou que a teu santo pai iam enforcar;

Descestes do púlpito para ir salvar;

O santo breviário perdestes, a Virgem Maria o encontrou,três vezes te disse:

Beato Antônio, Beato Antônio, Beato Antônio volta atrás que o santo breviário encontrarás.

Pelos milagres que tens feito de levar ao menino Deus em teus braços te peço:

Que o perdido seja achado,

Que o afastado seja encontrado

Que o esquecido seja lembrado.

Três certos sinais te peço:

Um galo cantar, uma porta fechar, um menino chorar.

Não é por minha sabedoria, que é pela de Deus e da Virgem Maria.

Reza um Pai-Nosso e uma Ave-Maria.

Responsório III

Se milagres desejais,

Recorrei a Santo Antônio;

Vereis fugir o demônio

E as tentações infernais.

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

Pela sua intercessão

Foge a peste, o erro, a morte,

O fraco torna-se forte

E torna-se o enfermo são.

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

Glória ao Pai, e ao Filho e ao Espírito Santo

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

V: Rogai por nós, bem-aventurado Antônio.

R: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Oremos:

Ó Deus, nós vos suplicamos, que alegre à Vossa Igreja a solenidade votiva do bem-aventurado Antônio, vosso Confessor e Doutor, para que, fortalecida sempre com os espirituais auxílios, mereça gozar os prazeres eternos.

Por Jesus Cristo, Nosso Senhor. Amém.








COMPARTILHE ESTA PAGINA


Deixe um comentário




     
 NOTÍCIAS
 
 
 FORMAÇÕES